São Lourenço da Mata - Prefeitura Municipal
Página Inicial » Saúde » Prefeitura discute melhorias para ocupação sem teto

Prefeitura discute melhorias para ocupação sem teto

Em: Saúde - Data: 10 de abril de 2018

Por Wagner Souza

A fim de encontrar soluções para a Ocupação Manoel Aleixo, em São Lourenço da Mata, representantes da administração municipal e integrantes do Movimento de Luta Popular (MLP), além de um representante da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe), se reuniram na manhã desta terça-feira (10) no prédio sede da Prefeitura Municipal. A regularização da rede elétrica no local e serviços como coleta de lixo e transporte escolar estavam entre as pautas discutidas.

Alguns serviços podem ser legalmente executados no local, como coleta de lixo e limpeza de canal. Outros, no entanto, não podem, como iluminação pública e instalação de rede elétrica, devido à situação jurídica da área. “Todos têm direito à moradia, porém é necessário legitimar a situação para, aí sim, podermos trabalhar no local”, destacou durante a reunião o procurador-geral de São Lourenço da Mata, Nicolas Coelho.

O procurador-geral ainda reforça a necessidade de regular uma associação dos moradores da ocupação. “A partir disso, é possível alcançar boas conquistas para os moradores, como recursos e ações efetivas, entre outras”, acrescenta Coelho. Também compareceu à reunião a secretária de Infraestrutura, Élida Barroso.

A área às margens da BR-408 foi ocupada há pouco menos de três anos e, atualmente, conta com 1.200 famílias cadastradas, das quais 300 residem nos 32 hectares de terra. De acordo com a secretária de Trabalho do município, Vanessa Costa, a gestão não tem a intenção de marginalizar essas pessoas. “O objetivo deste encontro é ouvir as necessidades dos moradores e encontrar soluções legais, de modo que não traga problemas futuros para ninguém”, comenta Vanessa. Engenheiros do município ainda serão enviados para fazer um estudo topográfico do local.

A representante dos moradores de Manoel Aleixo, Aline Lima, ressalta a importância da população local para o município. “Somos uma futura fonte de arrecadamento de impostos para a prefeitura. Não podemos ser ignorados e esquecidos, porque estamos lutando pelo direito à moradia e também somos cidadãos são-lourencenses”, aponta Aline.

ECONOMIA SOLIDÁRIA – A partir da regulação da associação dos moradores, a Ocupação Manoel Aleixo deverá ser integrada à política de economia solidária, que está sendo aplicada em São Lourenço da Mata. Nesta sexta-feira (13), haverá, dentro dos acordos firmados com o Ministério do Trabalho, uma capacitação com gestores são-lourencenses na Superintendência Regional do Trabalho, no Recife.

Foto: Wagner Souza/Secom-SLM

Prefeitura Online
Prefeitura Online
Questões, dúvidas, problemas? Estamos aqui para ajudá-lo!
Connecting...
Não estamos disponível no momento. Por favor, tente novamente mais tarde.
Estamos ocupado no momento. Por favor, tente novamente mais tarde
Você tem uma pergunta? Escreva para nós!
:
:
Esta sessão de bate-papo terminou